Dom Will

Ars Gratia Artis

Tag: poema Page 1 of 2

Sibilação

Sá – bi – as
Sí – la – bas
Sa – bem
Si – bi – lar…

=Dom

Non plus ultra

Eu sou um rato belígero
Que luta contra o nonsense.
Eu sou um hai-cai.

=Dom

Palavra Crua

Poesia é palavra nua vestida em gala
É palavra crua em pêlo, pele e cetim
É sexo sagrado entre artista e linguagem
É sentido escroto estampado em marfim

Poesia é rota de sentimentos
Impressa no léxico a ferro e facão
É o louco voar que se guia nos ventos
É o fogo e a água em um só turbilhão

É a criança que morre e nem chega a nascer
Fotografia do olhar atento de um cego
É o berço indigente do rico que nasce

A pobreza abastada do pobre que sonha
É a arte na veia do triste que escreve
É a morte na vida é o sangue em canção

=Dom

Ars Poetica

Me disseram, alguns teólogos,
que gasto muito de meu tempo
lendo poesia.

Estão claramente errados!
Na verdade, é a poesia que
gasta muito de seu tempo
me escrevendo…

=Dom

Justa adimiração

O Quintana é o meu Mário favorito…

=Dom

Sem meias palavras

Para boa palavra,
meio entendedor basta!
 
 
=Dom

Di profundis

De tanto surrupiar sentimento alheio
me tornei um poeta profundo…

– Poetas são essencialmente ladrões –

Daí a causa de a cada dia
Venderem menos as coletâneas…

=Dom

Procrastinação poética

“Soneto” que amanhã eu faço.

=Dom

Poesia minimalista

=Dom

Poemo-te!

Versifico-te por completo.
Como artista inquieto,
Te construo com palavras.

=Dom

Page 1 of 2

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén