Dom Will

Ars Gratia Artis

Tag: poesia

Palavra Crua

Poesia é palavra nua vestida em gala
É palavra crua em pêlo, pele e cetim
É sexo sagrado entre artista e linguagem
É sentido escroto estampado em marfim

Poesia é rota de sentimentos
Impressa no léxico a ferro e facão
É o louco voar que se guia nos ventos
É o fogo e a água em um só turbilhão

É a criança que morre e nem chega a nascer
Fotografia do olhar atento de um cego
É o berço indigente do rico que nasce

A pobreza abastada do pobre que sonha
É a arte na veia do triste que escreve
É a morte na vida é o sangue em canção

=Dom

Procrastinação poética

“Soneto” que amanhã eu faço.

=Dom

Sofia

Adjetivo e Desinência
copularam…

Fez-se no gesto a gestante
e por falta de melhor substantivo,
chamaram “Poesia” à recém-nascida.

=Dom

Bom Poeta

Me perguntaram se me achava um bom poeta.
Claro que não, homessa!
Os poetas bons são um saco!!
Prefiro, e isso digo mil vezes,
ser um poeta mal – muito mais divertido…

=Dom
(Autobiografia não autorizada)

Instantâneo

O instante é a poesia do tempo…

 

=Dom

Veritas

A poesia nunca é verdadeira,
todo poeta é um mentiroso
compulsivo e profissional…

=Dom

Lato Sensu

Os livros de poesia
são meus dicionários
favoritos…

=Dom

Desenvolvido em WordPress & Tema por Anders Norén